DA POSSIBILIDADE DE UMA TEORIA PURA DA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO: REFLEXÕES INICIAIS ENTRE A CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E A CIÊNCIA DO DIREITO

Publicado originalmente em http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/1483

  • Max Cirino de Mattos LATACI Research Institute
  • Andityas Soares de Moura Costa Matos UFMG
Palavras-chave: Ciência da Informação, Ciência do Direito, Epistemologia, Objeto científico, Teoria Pura do Direito

Resumo

O artigo discute a fragilidade epistemológica da Ciência da Informação a partir da adoção de um termo polissêmico como objeto cientí­fico, e a similaridade dessa situação com o contexto da criação da Teoria Pura do Direito de Hans Kelsen. Após a apresentação de algumas definições sobre o objeto da Ciência da Informação, discutem-se alguns reflexos relacionados à identidade cientí­fica e à fundamentação teórica derivadas de um objeto polissêmico. Apresenta-se uma breve introdução à Teoria Pura do Direito e algumas reflexões sobre a possibilidade de uma Teoria Pura da Ciência da Informação.
Publicado
2012-12-31
Seção
Artigos

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

1 2 > >>